na periferia da cinelândia

hable con ella: cineorlyarrobagmailpontocom

Um Garota Dividida em Dois, 2007

Totalmente sem tempo, e quase publicando uma crítica sobre o imperdível retorno de José Mojica Marins ao cinema, lembrei de postar aqui o link para a crítica de Uma Garota Divida em Dois, publicada no Cine Players há alguns dias.

Lembrando o gostinho dos clássicos que se ocupam de revirar o que a humanidade tem de mais característico, Chabrol faz um filme que se não chega a ultrapassar a barreira de parecer, mas não ser um clássico, surpreende pela condução da trama, apesar de em alguns momentos achar que o mundo do cinema não tem mais lugar para o personagem de um escritor francês que namora meninas e vive uma vida desregrada a la mode de 1968.

Para ler, clique na figura:

No comments yet»

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: