na periferia da cinelândia

hable con ella: cineorlyarrobagmailpontocom

Arquivo para lucrecia martel

Os melhores/2008

Depois de muito refletir – porque 10 é muito pouco – montei uma lista:

1. Onde os Fracos Não Têm Vez/Irmãos Coen
2. Sangue Negro/P.T. Anderson
3. Na Natureza Selvagem/Sean Penn
4. Linha de Passe/Walter Salles&Daniela Thomas
5. Speed Racer/ Irmãos Wachowski
6. Ainda Orangotangos/Gustavo Spolidoro
7. 2 Dias em Paris/ Julie Delpy
8. Viagem a Darjeeling/ Wes Anderson
9. Personal Che/Adriana Mariño&Douglas Duarte
10. Vicky Cristina Barcelona/Woody Allen

Menção honrosa (ou seja, pairando acima): A Mulher Sem Cabeça/Lucrecia Martel

Prêmio O Retorno de Jedi: Encarnação do Demônio/José Mojica Marins

Prêmio Lencinho de Ouro: Pan-Cinema Permanente/Carlos Nader e Lóki-Arnaldo Baptista/Paulo Henrique Fontenelle

Prêmio Medo de Ouro: O Nevoeiro/Frank Darabont

Prêmio Quase Entendi e Ainda Gostei: Liverpool/Lisandro Alonso

E, finalmente:

Prêmio Morango do Nordeste (ou apesar de colher as batatas da terra, mamãe: eu sei fazer arte!):

O Dragão da Maldade Contra o Santo Guerreiro/Glauber Rocha

pelo lenço vermelho, pelo glauber, pelo dragão e pelo santo.

errata: vou deixar o wes anderson, repetido mesmo.

Festival do Rio, post 3

Quinto dia festival e alguns textos atrasados. Então, vamos atualizar isso aqui:

Queime Depois de Ler, Joel e Ethan Coen

Abaixando a Máquina, Guillermo Planel e Renato de Paula

Ano Unha, de Jonás Cuarón

A Mulher Sem Cabeça, Lucrecia Martel